terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Sem Preconceitos!

Salim e Samira chegam ao consultório de um terapeuta sexual.
O médico pergunta:
- O que posso fazer por vocês?

O Salim responde:
-O senior, bur vavor, bode ver nois transando?

O médico olha espantado, mas concorda.

Quando a transa termina, o médico diz:
-Não há nada de errado na maneira como vocês fazem sexo.

E então, cobra R$ 70,00 pela consulta. Isto se repete por várias semanas!

O casal marca horário, faz sexo sem nenhum problema, paga o médico e deixa o consultório.

Finalmente o médico resolve perguntar:
- O que vocês estâo tentando descobrir?

E Salim responde:
- Nada. A broblema é que Samira é casada e Salim não bode ir no casa dela. Eu também sou casado e Samira não bode ir casa de Salim.
Na Play Love Motel, um quarto custa R$ 140,00. Na Fujiama Motel custa R$ 120,00. Aqui nós transa por R$ 70,00, com acompanhamento médico, tem um atestado e recibo, Salim reembolsa R$ 42,00 pela UNIMED e ainda tem uma restituição da Imposta de Renda de R$ 19,20.
Tudo calculado, eu só gasta R$ 8,80.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

LITHA

Grãos

giram na roda.
Ó Deus que se vai

em declínio

Ó Deus que vem em prenúncio amanhecido,

fortalecer a Deusa.

Plenos sejam os feitiços

erguidos nesta noite.

Gira sol

Gira Lua

Gira o mundo.

LITHA

Grãos

giram na roda.
Ó Deus que se vai

em declínio

Ó Deus que vem em prenúncio amanhecido,

fortalecer a Deusa.

Plenos sejam os feitiços

erguidos nesta noite.

Gira sol

Gira Lua

Gira o mundo.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

DENÚNCIA - SANTA CATARINA - ROUBO DE DOAÇÕES!!!

SC: aproveitadores desviam donativos para vítimas das enchentes

Nossa equipe de reportagem flagrou uma mulher saindo do pavilhão com um carrinho de supermercado cheio de doações. Voluntários e militares também aparecem nas imagens escolhendo roupas.

O registro de um desrespeito ao país inteiro. E especialmente aos milhares de brasileiros que perderam as roupas, os móveis, a casa inteira nas enchentes de Santa Catarina. Veja na reportagem de Kíria Meurer.

O Jornal Nacional foi até um dos depósitos de Santa Catarina que recebem doações de todo o país. Lá, nossa equipe de reportagem flagrou as seguintes imagens: uma mulher sai do pavilhão com um carrinho de supermercado cheio de doações e leva para o carro. Um homem traz mais sacolas, juntos eles seguem para uma casa e descarregam tudo. Conversamos com o homem que aparece nas imagens, ele nega:

“Eu não peguei senhor, eu não peguei senhor”, afirma.

Mas logo admite:

“Alguma coisa eu ganhei, umas fraldas para a minha mãe, ela quebrou a perna, né?”, explica.

O que sai de lá deveria seguir direto para a Defesa Civil das cidades atingidas pela chuva, ninguém poderia levar donativos para casa. Mas o funcionário público responsável pelo pavilhão, admite que abre exceções.

“A gente cede para uma ou outra pessoa que trabalhou, que fez um trabalho voluntário, a gente cede neste sentido”, justifica o coordenador do pavilhão Agostinho Schaupper.

O governo do estado diz que isso não poderia acontecer:

“Na realidade, houve uma falha na coordenação, os veículos que estão transportando são oficiais e não poderiam ter sido usados veículos particulares, não cadastrados para essa distribuição”, avisa.

Em um outro depósito registramos imagens de mulheres que entraram como voluntárias - para trabalhar na separação das roupas doadas para os desabrigados. Mas a verdadeira intenção era outra:

Voluntária: Tem coisa boa. Vou levar este aqui para o meu guri.
Homem: Ah, vai levar..
Voluntária: Deixa eu ver se está descolando. Se estiver descolando eu nem levo. Ah, está descolando atrás né?

Uma voluntária que ouve a conversa repreende as mulheres.

Voluntária 1 : Isso tem que dar pra quem..
Homem: ...Precisa né?
Voluntária 1: ... Não tem dinheiro para comprar. A gente ainda tem, Graças a Deus, tem saúde...
Homem: É ...
Voluntária 1: Pra trabalhar e comprar.

Até militares do Exército que trabalham descarregando caminhões escolhem donativos:

Militar 1: O que tu vai fazer com esse sutiã aí, véio?
Militar 2: Vou levar para minha mãe (risos). Eu peguei para minha namorada.

Eles separam roupas e sapatos para levar para casa e chegam a brincar
entre si:

Militar: Oh, tu tá mexendo no meu tênis aí!

Um pega uma bota e ainda pergunta:

Militar: Isso não é de ninguém não, cara ?

Os militares saem do pavilhão com as mochilas cheias de doações.

O Jornal Nacional mostrou as imagens para o comando em Florianópolis. O Exército diz que o caso é grave, não há como negar o furto e já abriu uma sindicância para investigar os responsáveis. Os soldados flagrados pela nossa reportagem foram afastados do trabalho na Central de Triagem de Blumenau e começaram a ser ouvidos nesta segunda-feira.

“O Exército não vai aturar esse tipo de coisa, mas é preciso lembrar a população que isso é um fato isolado. Nós atuamos em Santa Catarina dando apoio à população com cerca de cinco mil integrantes. E, apesar disso, nós vamos continuar com a nossa missão humanitária em apoio aos atingidos”, afirma o general Manoel Pafiadache, comandante da Brigada de Infantaria.

A Polícia Civil abriu inquérito para investigar essas pessoas. A condenação por furto vale até quatro anos de prisão.



Fonte: Site G1

ALERTA SANTA CATARINA


Após chuva, SC registra 81 casos de leptospirose

No total, foram 593 casos suspeitos, sendo que 254 estão em análise.
Quem apresentar sintomas deve procurar unidade de saúde.

Os municípios atingidos pelas chuvas em Santa Catarina registraram 81 casos de leptospirose desde 22 de novembro, segundo boletim divulgado pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde. No total, já foram 593 casos suspeitos, sendo que 254 ainda estão em análise.

Os casos foram anotados em Blumenau (14), Joinville (12), Itajaí (9), Camboriú (5), Florianópolis (5), Gaspar (5), Itapema (4), Balneário Camboriú (3), Palhoça (3), Itapoá (2),Tijucas (2), Navegantes (2), São Francisco do Sul (2) e Santo Amaro da Imperatriz (2). Em Brusque, Timbó, São João Batista, Biguaçu, Jaraguá do Sul, Ilhota, Guabiruba, Luiz Alves, Canelinha, Guaramirim e Schroeder, foi registrada uma contaminação em cada município.

A doença

A leptospirose é das doenças geralmente transmitidas em enchentes. O governo estadual afirma que o caso suspeito é confirmado depois do resultado do exame de laboratório.

Os sintomas mais comuns são febre alta, dor de cabeça e dores musculares. Os casos mais graves podem ter icterícia (coloração amarelada da pele e mucosas), insuficiência renal, hemorragias e alterações neurológicas que podem levar à morte.

Quem apresentar os sintomas deve procurar a unidade de saúde mais próxima, de acordo com a orientação da Vigilância Sanitária.

MEU PEQUENO LUXO



Aproveitando o clima frio, a chuvinha que não parava de cair fui fazer minhas tatuagens! Ô vício! Quem tem sabe como é... se vc não fez tatuagem por moda e sim por estilo de vida, sabe que é impossível fazer só uma. É a arte que expressa você, pelas mãos de uma outra pessoa e que você pode carregar pra onde for. Não precisa de parede, pregos, iluminação, lugar de destaque em uma sala fria ou empoeirada, simplesmente porque ela irá contigo pra onde você for. Efim... olha aí o resultado!!!

domingo, 14 de dezembro de 2008

TROUXINHAS DE ESPINAFRE



Massa:
. 3 xícaras (chá) de farinha de trigo
. 6 colheres (sopa) de margarina
. 200 g de iogurte natural
. 1 colher (chá) de sal
.
Misture todos os ingredientes até formar uma massa lisa e homogênea. A massa de ve desgrudar das mãos. Se precisar, acrescente mais farinha.
Reserve enquanto prepara o recheio.
.
Recheio:
. 1 maço de espinafre, cozido e picadinho
. 500 g de ricota
. sal
. 2 dentes de alho picados
. 1 cebola picada
. 1 colher (sopa) de margarina
. noz moscada e pimenta do reino a gosto
.
Refogue a cebola e o alho em 1 colher (sopa) de margarina. Acrescente o espinafre, desligue o fogo e misture a ricota, esmagada com um garfo ou ralada. Acrescente a noz moscada, pimenta do reino e sal a gosto.
FAça pequenas bolinhas com a massa (aproximadamente do tamanho de um limão pequeno) e estique-as com um rolo. coloque uma colher cheia de recehio no centro e feche-as, juntando as bordas, como uma trouxa. Leve ao forno em assadeira sem untar até que estejam assadas (aproximadamente 30 a 40 minutos).

sábado, 13 de dezembro de 2008

RIO DE PAZ


RIO - A ONG Rio de Paz promoveu, na manhã deste sábado, mais um ato público na Praia de Copacabana.
A manifestação, última de 2008, foi para lembrar as vítimas de mortes violentas durante os dois últimos
anos na cidade. Mais de 200 ativistas espalharam 16 mil cocos verdes pelas areias de Copacabana, que
representam 16 mil vítimas de homicídios, considerando homicídios dolosos, latrocínios, autos de
resistência e policiais mortos. ( Veja fotos do ato em Copacabana )
Além dos cocos, cruzes e faixas foram espalhadas pelas areias. O trabalho dos voluntários nesta ação
começou à meia-noite de sexta-feira. Já o manifesto teve início às 6h e foi encerrado às 12h30m, com um
minuto de silêncio de todos os envolvidos, inclusive familiares das vítimas.
Na semana passada, a ONG realizou um ato para lembrar o número de desaparecidos na cidade, também na
Praia de Copacabana. A manifestação, que aconteceu na véspera da comemoração dos 60 anos da
Declaração dos Direitos Humanos, integrantes da ONG queriam chamar atenção para o avanço da criminalidade e para a necessidade de a sociedade se
unir na luta contra a violência.
O evento aconteceu na altura da Avenida Princesa Isabel. Usando manequins e pneus, os manifestantes lembraram as vítimas que são assassinadas e
queimadas por traficantes. Fazendo um alusão aos chamados 'microondas' das favelas, locais onde as vítimas são torturadas e mortas por traficante, os
participantes ficaram dentro dos pneus.
Os cemitérios clandestinos também foram lembrados. Uma grande vala onde foram colocados manequins dentro, como se fossem corpos, também foi
aberta no local. Segundo a ONG Rio de Paz, são 9 mil desaparecidos desde janeiro de 2007. Em 2009, a ONG fará uma pesquisa para tentar chegar às
causas e ao real número de desaparecimentos, já que acredita-se que muitas dessas pessoas estão mortas.

PRA RIR UM POUCO

Esse vídeo é ótimo... A cara da esposa é a melhor de todas!!! Confiram, vale a pena.

video